O lado cômico da maternidade

“Pequeno” guia do desfralde, parte 5 de 5 – Soluções pra alguns problemas

25 Comentários

Primeiro, tenha sempre em mente o grande mantra do desfralde-que-parece-infinito: Demore mais, demore menos, o desfralde SEMPRE acontece.

Segundo, saiba que você pode até ensinar a criança, prepará-la com as ferramentas necessárias, ser positiva e apoiá-la sempre, mas o resultado final está 100% nas mãos dela (dá cá um abraço, amiga).

*

Então bora lá? A Pantley, no seu livro sobre desfralde, enumera algumas soluções pra alguns problemas que podem surgir durante o processo. Achei que valia a pena traduzir e listar alguns aqui.

*

Motivos mais comuns pelos quais a criança não desfralda: Ela não está pronta fisicamente; não está pronta emocionalmente; não entende o que deve fazer (comunicação); se distrai muito facilmente; está entediada com o processo; tem medo ou desconforto com alguma coisa; a relação entre desfraldante e desfraldador já ficou desgastada; existe muito stress ou pressão durante o processo; a pessoa desfraldadora não tem expectativas realistas; a pessoa desfraldadora não está pronta (falta de paciência, tempo ou energia pra continuar); há dois desfraldadores (pais separados, casa e escola, mãe e babá, mãe e avó) e ambos estão seguindo planos diferentes de desfralde; o desfraldador anda tratando acidentes normais como falha da criança; a rotina não se ajusta aos horários da criança ir ao banheiro; a abordagem não combina com a personalidade ou estilo de aprender do desfraldante; existe um motivo médico por trás (constipação, infecção, alergias, outro).

* * *

Alguns probleminhas que porventura podem aparecer no caminho:

*

A criança parecia pronta, mas não está dando a mínima pelo desfralde.

O que pode ajudar: tentar ler diferentes livrinhos sobre o assunto; usar um irmão, um amigo ou primo pra dar o exemplo; deixá-la brincar totalmente sem roupa várias horas no dia; passar alguns dias de férias em meio à natureza ou praia onde ela possa ficar totalmente à vontade.

*

Tudo ia bem, mas de repente a criança se recusa a ir ao banheiro.

Possíveis motivos: muito stress envolvido, pressão demais, desgaste entre mãe e filho, constipação ou outro problema físico

O que pode ajudar: dê a ela um tempo de uma ou duas semanas; tente tornar as visitas ao banheiro mais divertidas; peça ajuda de outra pessoa (avós, babá, ou quem mais com paciência zerada possa ajudar); dê a ela muitos líquidos pra facilitar as idas ou consulte um pediatra se você acha que o problema é físico.

*

Acidentes em excesso

O que pode ajudar: acidentes são normais, mas se eles não diminuem com o tempo, tente ficar mais atenta aos sinais da criança que mostram que ela precisa fazer xixi ou cocô; convide-a pra ir em horários regulares e preste atenção se por acaso você dá à criança mais atenção (boa ou má) quando ela deixa escapar xixi do que quando ela usa o banheiro. Não deixe isso acontecer. Limpe as escapadas pacientemente e dê a ela muitos abraços sempre que ela usar o penico.

*

A criança faz xixi, mas nunca faz cocô no banheiro

Possíveis motivos: ela não se sente à vontade; fazer cocô é algo demorado demais e ela não tem paciência de ficar sentada esperando; se sente desconfortável com a sensação de fazer sentada (já que ela está acostumada a fazer em pé ou se movimentando); não gosta do respingo de água ou xixi no seu bumbum; está com medo de sentir dor, talvez porque alguma vez teve dificuldade em fazer um cocô mais duro.

Primeiro, não tente resolver o problema sem antes tentar entender porque ele existe.

O que NÃO fazer:

- jamais fique brava, jamais castigue ou envergonhe a criança por isso. Ela não está fazendo isso de propósito e talvez se sinta tão perdida quanto você.

- não force a criança a sentar no penico e tentar fazer. O cocô vem quando o corpo está pronto e forçar esse momento pode gerar frustração, além de fissuras, dor ou hemorróidas.

- nunca a faça segurar o cocô. Se você nota que é hora dela ir, procure um banheiro imediatamente.

O que fazer:

- se assegure que a criança esteja bebendo muito líquido: água, suco de maçã, pera, cranberry, uva, mamão e ameixa, e consumindo comidas ricas em fibras: vegetais (especialmente os crus), frutas, grãos, arroz integral, aveia, etc

- limite comidas que constipam: banana, arroz branco, queijo, refrigerante, junk food, açúcar refinado, doce, suco de laranja ou outros cítricos.

- se ela tem estado constipada, aplique lanolina localmente antes dela fazer cocô

- esteja atenta aos horários que normalmente o intestino funciona: ao acordar e 10 a 30 minutos depois das refeições

- se a criança fez cocô na calça, leve-a calmamente ao banheiro, dê descarga no cocô e diga que o lugar dele é no vaso. Sente-a no vaso pra limpar seu bumbum.

- se a criança só faz cocô na fralda (ou calcinha/cueca), sugira a ela se sentar no penico pra fazer dizendo que tudo bem ficar vestida. Uma vez que ela vencer essa barreira, coloque a fralda dentro do penico pro cocô cair lá dentro. Depois tire tudo completamente.

- experimente dar privacidade à criança na hora de fazer cocô ou senta-la no penico em algum lugar neutro e mais relaxado (lugares onde ela brinca, ou próximo à televisão)

- se assegure que as pernas da criança não estejam balançando no ar. Colocar os pés no chão ou sobre um banquinho dá a ela maior estabilidade.

- abrace a criança sentada no penico e incline-a um pouco pra frente contra seu corpo. Essa posição favorece a eliminação do cocô.

- empreste a ela um iPod ou similar com algum aplicativo divertido (ou livros) pra ela se distrair enquanto relaxa pra fazer cocô

- encoraje a criança a relaxar ao invés de forçar a saída do cocô. Se o cocô está saindo duro e ela está tendo dificuldade, ofereça um copo de água, alguma fruta e tente novamente em uns 20-30minutos.

* * *

Viagens de carro e passeios

Eu esperei até o Nicolas estar totalmente desfraldado durante o dia pra sair com ele sem fraldas. Sempre converso com ele antes de sair dizendo que ele deve me pedir pra parar o carro quando ele quiser fazer xixi, coloco uma proteção plástica na cadeirinha e levo algumas mudas de roupa caso algum escape ocorra. Pra andar de ônibus ou metrô, sugiro que a pessoa desfraldadora, além de orações pra Nossa Senhora da Não-Escapada, espere até que a criança atinja um nível em que ela consiga pedir com antecedência e segurar o xixi por mais tempo.

Sempre que levo o Nic ao supermercado ou outro lugar, escaneio os arredores por um banheiro ou mesmo uma moitinha. Temos a sorte do Canada ser relativamente bem servido de banheiros públicos, mas se não fosse, colocaria o penico no carro pra qualquer lugar que eu fosse (ônibus seria mais difícil, né?…). Aqui também é bastante comum ver crianças (meninos e meninas) fazendo xixi numa moitinha ou atras de uma arvore. Uma boa posição (tanto pra fazer no chão e evitar molhar os sapatos, como em banheiros públicos pra não sentar diretamente no vaso) é segurar a criança “de cadeirinha”.

Tenha cuidado pra nunca sair de casa sem antes levar a criança ao banheiro e colocar roupas fáceis de tirar (parte complicada no inverno daqui, mas está dando tudo certo até agora).

* * *

Desfralde noturno

Mais uma vez, depende do tempo da criança e não é algo que você possa ensinar. Algumas pessoas criam o habito de levar a criança ao banheiro no meio da noite – algo que eu definitivamente não faço – e têm sucesso. Então depende de você.

Pra ser capaz de controlar o xixi pela noite a criança precisa atingir maturidade BIOLÓGICA, onde os rins conseguem enviar um sinal ao cérebro quando ela está dormindo. Se o cérebro estiver dormindo tão profundamente que não capta o sinal, a bexiga é pequena demais pra conter o liquido produzido ou o corpo produz urina em excesso à noite (ocorre principalmente no inverno, já que o corpo não produz suor) vai ocorrer uma escapada na cama. À medida que a criança crescer, o biológico vai se ajustar e tudo se resolver – mas escapadas noturnas ainda são consideradas normais até os 6 anos (eu que o diga!). :D

Portanto, a melhor dica pra um desfralde noturno tranquilo é encorajar a criança a beber menos liquido 2 horas antes de dormir e tirar a fralda somente quando ela amanhecer consistentemente seca no dia seguinte.

E boa sorte pra todos nós!

* * *

Alguns links úteis:

O método que apliquei com a Lily, minha caçula, e que no final das contas achei muito menos traumático, rápido e eficaz. De verdade.

Amigos da Soluções e Pediatria Radical – duas das poucas comunidades do Orkut que valem a pena. Falam sobre todo tipo de assunto materno, incluindo discussões de mães e pais sobre dificuldades relacionadas ao desfralde. A primeira é baseada no mesmo livro que eu li da Pantley.

Baby Center – ótimo conteúdo sobre o assunto com várias dicas úteis

Diaper Free Baby – é um link que o Rogério indicou, ensinando o método Elimination Communication (EC), onde o bebê pode ser desfraldado bem cedo, desde que você aprenda a observar seus sinais de eliminação.

How to Potty Train your Infant – um post que eu gosto muito falando também sobre a EC, do blog Simple Mom.

Manual do Desfralde – o que funcionou por aqui – ótimo post escrito pela Sarah contando como foi a experiência de desfralde com o Bento.

Fase I – O (pré) desfralde – mais um post cheio de sensibilidade da Flávia, mãe do Astronauta.

Aspectos importantes no desfralde – post da Elizabeth com dicas da escolinha da Sofia

* * *

Este foi o último post do “Pequeno” Guia do Desfralde. Os posts anteriores foram:

Parte 1 – Meu filho está pronto?

Parte 2 – O pré-desfralde

Parte 3 – Preparando pra começar!

Parte 4 – O desfralde!

* * *

Outros posts falando sobre a saga do desfralde do Nicolas:

Tá sentada? Nic des-fral-dou!!!

Cuidado, o Universo talvez não saiba soletrar!

O primeiro voo do helicóptero

O desbunde

Um conto de fraldas

* * *

Ufa! Consegui acabar antes da Lily nascer! Vou dando notícias! :D

About these ads

25 thoughts on ““Pequeno” guia do desfralde, parte 5 de 5 – Soluções pra alguns problemas

  1. Lu, seu “curso” sobre desfralde ficou ótimo! Adorei os posts! Nada como aprender com os perrengues da prática, né? Ninguém merece desfralde, mas ainda bem que uma hora a coisa sai, senão a gente fica doida!
    Beijos!
    Livia
    maeviajante.com

  2. Lu, tá tão bem explicadinho que até eu, que não sou mãe, já me sinto preparada. Um luxo!

  3. Oi Lu, perfeito seu manual do desfralde e so fazer a capa e colocar no mercado. Quando a Lily nasce? Se precisar de alguma coisa moro em North Van manda recadinho no face meu telefone e 7786895178, Bjs.

    • Livia, “curso” é ótima! hahaha

      Camila, vai se preparando, viu? Sua hora ainda chega! :D

      Silvania!!! Que legal vc se apresentar pra mim e ainda deixar seu contato. Obrigada! Pode deixar que vou te procurar no face e anotar seu telefone! Lily tá estimada pra qualquer momento agora. Estamos esperando. Beijos!

  4. amei o guia, sinceramente, está demais.

    vou seguir as dicas do cocô acima e tentar sair da merda.

    vc é demais.

    bjocas

    • Carol, amiga, abraço duplo pra você e daqueles bem demorados. Fui traduzindo cada frase dessa parte pensando em você. Espero de coração que as coisas progridam aí! Beijos!

  5. Apesar de ainda nao ser mae, achei valiosíssimo e divertidissimo esse manual. :) hahahah

    Acompanho sempre o seu blog. Alias, desculpe a falta de educação, mas aqui quem fala eh a Renata da Australia. :)

    Primeira vez que eu comento, mas tah valendo.

    Tenho duas coisinhas a falar:

    1 – A encomenda que eu falei que quero fazer, ao invés de Dezembro, era Setembro que eu quis dizer. :) 50 aninhos da mamys.

    2 – Eu trabalho com uma empresa de recrutamento na Australia, você pode nos achar no seguinte site (www.bdspeople.com.au). E estamos a procura de geólogos, que serão devidamente sponsorados e etc. Se você conhece amigos (as) que estejam interessados, so pedir pra eles darem uma passadinha no meu blog e deixar um comment no meu post que eu entrarei em contato com eles para maiores detalhes.

    bjnhos :)

    • Oi Renata!

      Ta anotado, setembro inves de dezembro. :D

      E vou passar seu contato pro meu marido, o atual geólogo da casa. Temos vários amigos geologos ainda na Australia e de repente podem achar interessante! Beijos e obrigada!

  6. Lu, como adoro os seus textos, menina!

    Adorei o pequeno guia, que não é pequeno, e sim, um SUPER guia do desfralde! Amei, vou guardar tudo na memória até aonde conseguir – e quando precisar de dicas, voltarei aqui para reler tudo!

    Quanto à Lily, que venha com saúde, na hora certa, pode ter certeza.

    O bb da minha amiga nasceu com 42 semanas e meia! Acredita? Super bem, feliz, saudável, grande, de parto natural, em casa.

    Ou seja, ainda há tempo, ela virá na sua hora.

    Beijos muito grandes, fique com Deus – e obrigada pela força neste momento mais punk da vidinha da sua amiga!

    Besos chica!

    • Obrigada de coração! amo seus comentários, amiga! E essa sua amiga aí, tem braço, viu? Esperar nessa tranquilidade até 42 semanas e meia e terminar tendo filho em casa? Uau!

      Obrigada pela força de sempre, viu?

      Beijos!!!

  7. Oi, Luciana. Acabei de conhecer seu blog. Muito legal. Vou começar a bater ponto por aqui. :-)

    Ah, e parabéns pelo desfralde!!!

    bjim

  8. Nó… Li todo o guia do desfralde! Mesmo que o Davi ainda não tenha idade o suficiente para uma tentativa (11 meses), vou me lembrar de dar uma passadinha e reler suas orientações na época em que for enfrentar o desfralde.

    bj

  9. Oi Liza, bem vinda! Espero que as dicas sejam de alguma ajuda pra vc um dia! E que o desfralde seja um sucesso!

    Beijos!

  10. Lu, so pra constar, as coisas aqui vao andando. De dia de cueca, as vezes ele quer por fralda mas eu convenco (as vezes nao convenco nao). fora de casa de fralda ainda nao dá, ele nao segura nada!); de noite de fralda ate o fim da vida se for preciso (me recuso a acordar de madrugada pra levar crianca mal humorada no banheiro). continuo na bandeira do desfralde limpo, e quando conseguir terminar, faco um post (por enquanto, nao faco nao, nao to preparada). sabe o que nao funcionou aqui? TUDO o que disseram que funcionaria (explicar, dar adesivo, sumir com as fraldas, convidar pra ir no banheiro…. nada funcionou). O que ta funcionando é a minha intuicao (e mae tem, ne?). Lavo cuecas e shortinhos vazadinhos de xixi junto com fralda de pano e vam bora. Fico feliz se tiver so 2 na fralda em julho! e o coco tem sido direto no vaso, com redutor. Parece que só o respeito funciona…

  11. Amei e quero a sua permissão para postar as dicas no blog do Gui, estamos nesta fase e são tantas emoções que só tendo coração forte! Bjs, Ana

  12. Muito obrigada pelas dicas!! Minha pequena pediu para tirar a fralda, na escolinha, é uma maravilha, não tem 1 escapadinha, mas em casa se recusa a ir ao banheiro… mas lendo as dicas, vi que coloquei muita pressão… Vou pedir desculpas para ela, explicar bem explicadinho e sentir se ela quer tirar a fralda em casa tbm. OBRIGADA!!

  13. Amei as dicas!!! Estou na fase do desfralde e até agora nada. Ela avisa quando já fez o xixi e o coco, parace que ela não dá conta de segurar…Quanto tempo devo continuar insistindo para concluir que não está pronta? Obrigada!!

    • Lana, eu jurava que já tinha te respondido!!!! ah, essa vida corrida…

      Menina, como está tudo agora? Qtos anos ela tem?

      Eu acho que não tem um tempo certo pra vc esperar pra saber se ela está pronta ou não. Quando ela estiver, você vai saber, Lana! É muito óbvio. Eles começam a se interessar pelo banheiro, a sinalizar que precisam ir ANTES de fazer na calça, etc. Eu acho que se ela já avisa que fez, é meio caminho andando. O meu demorou muito pra fazer isso!

      Vai com paciência, leva ela no banheiro toda vez que fizer na fralda, joga o cocô no vaso, dá descarga e fala que quando ela estiver grandinha, já vai fazer direto no vaso. Daí um dia vc pergunta a ela se ela quer experimentar sentar e tal… se ela quiser, ótimo, senão, não força!

      Um dia vai, confía! :D

      Beijos!

  14. Muito legais as dicas!! Meu filho tem 3 anos e 4 meses, já usa cueca há mais de 1 ano e segura muito bem o xixi, pedindo sempre na hora certinha. Mas o cocô até hoje só consegue fazer na fralda, diz que não consegue fazer sentado. Tb dorme de tarde sem fralda e consegue segurar bem, mas durante a noite ainda não sei se é a hora certa de desfraldar. Vou tentar a dica de colocar o penico em frente à TV e ver se dá certo! Obrigada!

    • Fernanda, o cocô é mesmo o mais difícil pra criança. Tenta sim a dica do penico na frente da TV e também, de repente, vc pode tentar pedir a ele pra sentar COM FRALDA no penico. Vai que ele consegue?

      Beijos e boa sorte!

  15. Eu tenho uma filha de 3 anos ela quer. Tirar a fralda comprei um penico dos backiardigans ela faz o xixi e o cocô ainda não comprei o redutor quando saio com ela usa o sanitario infantil e no colegio também quando vai a casa de alguma amiga e parente seguro ela de cadeirinha no vaso para evitar infecções e para ela n cair da privada mando da tchau pro xixi e pro cocô e da tudo certo

  16. Muito legal ta ensinando essas crianças a partir dos 2 anos ta tirando a fralda ensinando a fazer todas suas necessidades dentro do penico ou no redutor para depois se acostumar com o vaso sanitario

  17. Obrigada, Juliana!

    Pelo visto vcs estão no caminho certo! Bjs!

  18. Ei gostei muito do desfralde ,mas nao consegui achar minha resposta.pq meu filho usava bolsa coletora porem foi feita a revercao ele so usa fralda para fazer coco.coloco ele no vaso ele chega dormir mas nao faz coco e nem segura ,nao sei mas o que fazer me dar uma resposta no que devo fazer? Aguardo obrigada

    • Desculpa que demorei pra responder, mas a unica coisa que consigo pensar é que ele não está pronto, Dyanna! O meu filho só foi desfraldar com 3 anos e meio e mesmo assim teve acidentes de xixi e cocô até os 4 anos e meio. Quantos anos tem seu filho?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 529 outros seguidores